Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Lula diz que aprovará reformas até outubro

Em discurso que durou cerca de uma hora, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em sua aula pública na London School of Economic and Political Science, disse que as reformas previdenciária e tributária serão aprovadas até outubro. Segundo ele, após a aprovação das duas reformas, o governo vai se concentrar na estrutura sindical, reforma política e a discutir a legislação trabalhista, "que está um pouco ultrapassada". Lula fez uma ampla discrição dos objetivos de seu governo e reafirmou seus compromissos de campanha. "Não quero passar para a história como um presidente que tem a sua foto na sala dos ex-presidentes, mas sim como alguém que cumpriu o que prometeu na campanha eleitoral." Lula ressaltou a sua determinação de fazer a reforma agrária no País. "Passei a vida inteira falando da reforma agrária e agora tenho de fazê-la." Segundo o presidente, a responsabilidade pelas mudanças no Brasil não é apenas dele, mas de toda a sociedade. "Sou um porta-voz", disse Lula.

Agencia Estado,

14 de julho de 2003 | 13h59

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.