Lula diz que agora exerce autoridade e não o poder

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva aproveitou discurso de improviso na cerimônia de envio de projeto de lei ao Congresso que beneficia as micro e pequenas empresas para dizer que adotou "um jeito um pouco diferente" de governar porque, em vez de exercer o poder, resolveu exercer a autoridade. "Eu resolvi, ao invés de exercer o Poder, exercer a autoridade por que exercer a autoridade é quando, ao invés de você impor um pensamento único, você constrói com todos os envolvidos aquilo que é um consenso possível de ser feito na sociedade", disse o presidente, ao defender as negociações que realiza com diversos setores, antes de tomar qualquer decisão."Eu tenho certeza, eu não tenho dúvida nenhuma que vamos fazer muito mais, dessa forma, sempre sabendo que o governo não é dono da verdade e que não custa nada a gente ouvir (terceiros ou parceiros), porque quem ouve tem menos possibilidade de errar do que quem não ouve´, comentou ele, depois de salientar que adotou "um jeito de governar um pouco diferente do que habitualmente culturalmente se faz no Brasil". Lula disse ainda que duvida que, em algum momento, de algum governo da história deste país, os segmentos da sociedade foram tão chamados a participar para ajudar a elaborar as coisas que nós fazemos".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.