Lula deve manter dieta e exercícios, recomendam médicos

Os médicos do Instituto do Coração do Hospital das Clínicas de São Paulo recomendaram hoje ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva que mantenha a rotina preventiva de exercícios físicos e dieta alimentar que já resultou em significativa perda de peso nos últimos meses. Segundo boletim médico divulgado por volta das 11h30 pelo Incor, é bom o estado geral do presidente e da primeira dama, dona Marisa Letícia, que se submeteram a uma bateria de exames de rotina desde às 8 horas da manhã.Eis a íntegra do boletim do Incor: "O presidente Luiz Inácio Lula da Silva, 60 anos, e a primeira dama Marisa Letícia Lula da Silva, 55 anos, encontram-se desde as 8h deste sábado no Instituto do Coração do Hospital das Clínicas para a realização de exames de check-up. O procedimento foi agendado pelo professor dr. Roberto Kalil, cardiologista do Incor, dentro do programa de avaliação anual a que o presidente e a primeira dama são submetidos há mais de uma década. Constaram da programação das avaliações de ambos os seguintes exames: laboratoriais (sangue e urina), eletrocardiograma, ultra-som e tomografia. Além desses, o presidente foi submetido a exames de prevenção de próstata e a primeira dama a densitometria óssea e mamografia. Segundo resultado da avaliação clínica e dos exames, o estado geral do presidente e dona Marisa é bom. A recomendação médica é que seja mantida a rotina preventiva de exercícios físicos e dieta alimentar que resultou na perda significativa do peso corporal do presidente nos últimos meses".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.