Lula deve deixar hospital no início da tarde

O oncologista Paulo Hoff informou na manhã de hoje que a expectativa é de que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva deixe o Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, no início da tarde. Lula foi submetido ontem à primeira sessão de quimioterapia no tratamento do câncer na laringe diagnosticado no sábado. Ele recebeu no fim da tarde de ontem a visita da presidente Dilma Rousseff, do ministro da Fazenda, Guido Mantega, e do secretário-geral da Presidência, Gilberto Carvalho.

GUSTAVO URIBE, Agência Estado

01 de novembro de 2011 | 08h47

Após a visita, Dilma disse que Lula estava muito bem disposto e disse ter certeza da capacidade de superação do ex-presidente. A expectativa é de que o ex-presidente, antes de deixar o hospital, receba a visita do ministro da Educação, Fernando Haddad. Ainda nesta manhã deve ser divulgado boletim médico sobre o estado de saúde de Lula.

Tudo o que sabemos sobre:
Lulasaúdetratamentohospital

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.