Lula deve confirmar convite a Geddel para Ministério

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva deve confirmar nesta terça-feira, 6, o convite ao deputado Geddel Vieira Lima (PMDB-BA) para que participe do Ministério, segundo um auxiliar de Lula. O presidente tem reunião marcada com o presidente nacional do PMDB, deputado Michel Temer (SP) e o líder da bancada na Câmara, Henrique Alves(RN). A idéia é colocá-lo na Integração Nacional, pasta que antes estava no comando do PSB de Ciro Gomes, ex-ministro. Geddel participou nesta segunda-feira no Palácio do Planalto de conversa com Lula. Do encontro participaram também o governador da Bahia, Jacques Wagner, que patrocina a indicação do peemedebista para o Ministério, e o ministro das Relações institucionais, Tarso Genro. Neste encontro, o presidente deixou clara sua intenção de contemplar a bancada de deputados do PMDB com um ministério. Um interlocutor do presidente acredita que a segunda vaga pleiteada pela bancada federal do PMDB no primeiro escalão do governo não deverá ser atendida. O presidente já afirmou claramente sua intenção de nomear o médico José Gomes Temporão, recém filiado ao PMDB para o Ministério da Saúde. A bancada, no entanto, já advertiu o Planalto de que não considera Temporão não como indicação partidária e sim como um ministro da cota pessoal do presidente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.