Lula defende permanência de Meirelles no Banco Central

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva reafirmou hoje que por ele o presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, continuaria no governo.

LEONENCIO NOSSA, Agencia Estado

16 de setembro de 2009 | 16h27

Perguntado se Meirelles vai se filiar a algum partido para disputar a eleição por Goiás, Lula respondeu: "Não sei se o Meirelles quer se candidatar. Eu já disse ao Meirelles que por mim ele ficaria no Banco Central. Até agora, ele (Meirelles) não disse nada", afirmou.

"Você sabe que essa história de política, tem um comichão aí, que parece bicho do pé. Coça, as pessoas querem ser candidatas, não tem como segurar", disse o presidente.

"O Meirelles sabe que tem uma lei e a lei diz que até 2 de outubro a pessoa tem que se filiar", lembrou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.