Lula critica distorções nas aposentadorias

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse que, na reforma da Previdência é preciso reduzir as desigualdades e fazer justiça social, porque há muitas distorções nas aposentadorias. "Estou cansado de ver pessoas com rosto enrugado e mãos calejadas não conseguirem se aposentar e outros, como a doutora Georgina de Freitas, do Rio de Janeiro, que conseguiu aposentar-se através de falcatruas", afirmou. "Vamos ter que tocar nesse assunto, justiça social também passa pela reforma tributária, reforma previdenciária, agrária, sindical e trabalhista".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.