Lula convoca reunião com comandantes das Forças Armadas

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva convocou uma reunião para a tarde desta segunda-feira, 2, com os comandantes da três Forças (Exército, Aeronáutica e Marinha), eles devem discutir a crise no setor aéreo. Segundo fontes ligadas à Aeronáutica, há indignação em relação à postura do governo, que negociou com os controladores de vôo na última sexta-feira, 30.Os militares consideram "inconcebível" a quebra de hierarquia. "O presidente Lula e o governo jamais poderiam ter feito isso. É inadmissível", avaliou uma das fontes. Nesta segunda, o presidente Lula mudou o tom e endureceu nas críticas em relação à greve dos controladores de vôo.No programa de rádio Café com o Presidente, Lula classificou a greve da categoria, iniciada na última sexta-feira, 30, como "grave" e "irresponsável". Mais tarde, em reunião com o ministro da Defesa, Waldir Pires, e o comandante da Aeronáutica, Juniti Saito, o presidente não teria escondido a "decepção" com a Força Aérea Brasileira (FAB), segundo fontes que participaram do evento.Em outro encontro, os cinco tenentes-brigadeiros do Alto Comando da Aeronáutica almoçaram com o presidente da Câmara, Arlindo Chinaglia (PT-SP) e com o líder do PSDB na Câmara, deputado Julio Redecker (RS). Segundo integrantes da Aeronáutica, o encontro já estava agendado, mas a discussão sobre a situação dos aeroportos tornou-se inevitável neste momento.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.