Lula convida participantes de Fórum a visitar favelas

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva convidou os participantes do Fórum Urbano Mundial a visitar as favelas do Rio de Janeiro e de outras cidades do País para ver o investimento que está sendo feito em infraestrutura urbana e saneamento. O presidente, porém, aconselhou: "Não se embrenhem em lugares que vocês não conhecem. Transitem por lugares normais e nada vai acontecer."

ADRIANA CHIARINI E LUCIANA NUNES LEAL, Agencia Estado

22 de março de 2010 | 12h51

De acordo com Lula, a imagem mais digna que um político pode deixar não é um viaduto com o nome dele, "mas é uma criança podendo brincar na rua sem estar pisando em esgoto a céu aberto". Para o presidente, "nunca se investiu tanto em infraestrutura urbana na história deste País".

Lula destacou também que o governo busca equilíbrio entre crescimento econômico, distribuição de renda e melhoria da qualidade de vida. "Estamos muito longe do que queremos, mas fizemos muito mais do que muitos esperavam", disse. O presidente foi aplaudido ao concluir o discurso afirmando que "a coisa mais barata e simples que o governo tem que fazer é cuidar da parte mais pobre da população".

Lula afirmou ainda que nos primeiros dois meses deste ano, a Caixa Econômica Federal (CEF) já emprestou mais do que durante todo o ano de 2005. O Fórum Urbano Mundial recebeu 20 mil inscrições, de acordo com a diretora executiva de assentamento urbano da Organização das Nações Unidas (ONU), Anna Tibaijuka.

Tudo o que sabemos sobre:
infraestruturaLulainvestimentoRio

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.