Lula confirma que só trata de ministério em dezembro

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva confirmou nesta segunda-feira, na reunião com os ministros da Coordenação Política, no Palácio do Planalto, que não vai antecipar a nomeação de novos ministros. De acordo com informação de participantes da reunião à Agência Estado, Lula disse que só em dezembro, provavelmente na segunda metade do mês, começará a tratar da reorganização do ministério com vista ao segundo mandato. Por conta da crise surgida entre setores do governo e da área militar durante a operação-padrão dos controladores de vôo, a tendência de Lula é a de não promover nenhuma mudança na Aeronáutica e manter no cargo o comandante desta área, brigadeiro Luiz Carlos Bueno. Segundo relato feito à Agência Estado por participantes da reunião desta segunda-feira, Lula considera que se está normalizando a situação no setor com as medidas adotadas para melhorar o serviço de controle do tráfego aéreo e que não há motivos para fazer mudanças. A afirmação do presidente serviria para desfazer os insistentes rumores de que o brigadeiro Bueno poderia ser afastado. A decisão do presidente de não promover alterações foi apresentada, segundo as fontes da Agência Estado, também ao ministro da Defesa, Waldir Pires, num encontro que os dois tiveram nesta segunda.

Agencia Estado,

06 de novembro de 2006 | 19h07

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.