Lula chega ao hospital para 1ª sessão de quimioterapia

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva chegou na manhã de hoje ao Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, onde será submetido à primeira sessão de quimioterapia para tratamento contra o câncer na laringe diagnosticado no sábado. Mais tarde, a equipe médica concederá entrevista à imprensa para falar sobre o quadro clínico do ex-presidente.

GUSTAVO URIBE, Agência Estado

31 de outubro de 2011 | 10h05

A expectativa é de que Lula durma esta noite no hospital. Antes, deve receber a visita da presidente Dilma Rousseff, que tem chegada prevista para as 19h30 no Aeroporto de Congonhas. À noite, ela deve também participar de evento na capital paulista.

Em nota divulgada ontem, a assessoria de imprensa do ex-presidente informou que, até o fim de janeiro de 2012, estão suspensas tanto as viagens nacionais como as internacionais programadas para o período.

Após visita na tarde de ontem, o cardiologista Roberto Kalil Filho, médico pessoal do ex-presidente, informou que Lula estava bem humorado e confiante. O médico ressaltou ainda que é esperado, para os próximos dias, o resultado da biópsia a que o ex-presidente foi submetido. A opção pelo tratamento por quimioterapia, e não pela realização de uma cirurgia, segundo ele, foi uma decisão da equipe médica.

Tudo o que sabemos sobre:
Lulasaúdetratamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.