Lula aproveita feriado e faz passeio de lancha no Guarujá

Sua presença e da primeira-dama na cidade não tem chamado muito a atenção de curiosos

PAULO DARCIE, Agencia Estado

03 de fevereiro de 2008 | 20h14

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva continua o descanso de carnaval no Forte dos Andradas, no Guarujá, litoral paulista. Ao contrário das três outras visitas ao forte, sua presença na cidade não tem chamado muito a atenção de curiosos. Duas pessoas, no entanto, insistiram pelo segundo carnaval seguido em tentar contato com Lula. A primeira foi seu irmão caçula por parte de pai, Germano Inácio da Silva, de 42 anos. No sábado, por volta das 22h30, ele chegou até a entrada do forte, e foi recebido pelos soldados de plantão com a notícia de que Lula não poderia atendê-lo. Talvez na terça-feira. Germano disse, então, que voltaria ontem.No ano passado, Germano foi recebido por Lula depois de duas tentativas. Na conversa,pediu ajuda ao presidente para arrumar um emprego. Em vão. A segunda pessoa que voltou a procurar Lula foi o corretor de imóveis Orlando Lovecchio, de 62 anos. No ano passado, ele entregou uma carta pedindo sua inclusão na lista de anistiados políticos que recebem indenização do governo.Em 1968 Lovecchio teve a perna esquerda amputada em conseqüência da explosão de uma bomba na Avenida Paulista, em São Paulo, num atentado contra o consulado dos Estados Unidos. Ele passava pelo local e foi tido como um dos suspeitos do crime. "No ano passado recebi uma resposta, alguns dias depois, dizendo que deveria me dirigir ao Ministério da Justiça. Mandei uma carta e nunca recebi resposta."Na maior parte do tempo, o presidente teve sorte com o tempo. As nuvens não atrapalharam os banhistas no Guarujá e só começou a chover no fim da tarde. Antes, por volta de 17 horas, Lula e a primeira-dama, Marisa Letícia, saíram para um passeio de lancha. O casal pode prolongar sua estada no forte até dia 11.

Tudo o que sabemos sobre:
LulaCarnaval

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.