Lula apresenta defesa contra representação do PSDB

A Advocacia Geral da União (AGU) protocolou nesta segunda-feira no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a defesa do presidente Luiz Inácio Lula da Silva contra a representação do PSDB impetrada na semana passada. O partido acusou Lula de realizar propaganda eleitoral antecipada durante o pronunciamento em cadeia nacional de rádio e TV do dia 30 de abril, quando foi divulgada oficialmente a auto-suficiência do País em petróleo.Segundo informou o site do TSE, a defesa de Lula alegou que o pronunciamento presidencial foi feito "no interesse da administração" e visou a "divulgação de assuntos de relevante importância"."Nada impede o Presidente da República de divulgar, a qualquer momento e por qualquer meio, assuntos pertinentes à situação do País, especialmente aqueles de relevante interesse, como a conquista da auto-suficiência em petróleo", disse a AGU, que argumentou ainda que Lula não apresentou sua candidatura durante o discurso.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.