André Dusek/AE 02.03.2012
André Dusek/AE 02.03.2012

Luiz Sérgio isenta Ideli Salvatti de culpa no caso das lanchas

Luiz Sérgio atribuiu a convocação de Ideli a um 'descontentamento' de setores da base aliada

Rafael Moraes Moura, de O Estado de S.Paulo

11 de abril de 2012 | 17h48

 O deputado federal Luiz Sérgio (PT-RJ), ex-ministro da Pesca e Aquicultura, isentou nesta quarta-feira, 11, a ministra Ideli Salvatti, atual titular da pasta, de culpa tanto no episódio envolvendo a compra de 28 lanchas-patrulha quanto na doação de R$ 150 mil da empresa Intech Boating para o comitê eleitoral do PT em Santa Catarina, que bancou 81% dos custos da campanha derrotada de Ideli ao governo catarinense.

Ao ser questionado se a ministra estaria isenta culpa nos dois episódios, Luiz Sérgio respondeu: "Na minha avaliação, sim". Nesta quarta-feira, a Comissão de Fiscalização e Controle da Câmara aprovou a convocação de Ideli para explicar a polêmica das lanchas.

"A compra não tem nada a ver com ela. E quem é candidato a governador de Estado, se tem uma coisa que o candidato se afasta até pela própria experiência, é exatamente do processo de arrecadação de recursos. Isso não é papel de candidato", afirmou o ministro, antes de participar de reunião no Palácio do Planalto com o ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, Gilberto Carvalho.

Luiz Sérgio atribuiu a convocação de Ideli a um "descontentamento" de setores da base aliada. "A convocação da ministra não é uma questão contra a ministra, mostra um descontentamento de setores da base aliada. O pessoal comeu mosca", afirmou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.