Luiz Francisco reverte punição

O procurador da República Luiz Francisco Fernandes de Souza conseguiu liminar no Supremo Tribunal Federal para reverter a suspensão de 45 dias imposta pelo Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP). A decisão é do ministro Joaquim Barbosa. Luiz Francisco fora suspenso pelo CNPM por conta de representação do ex-secretário-geral da Presidência Eduardo Jorge Caldas Pereira, que o acusa de perseguição política. Barbosa argumentou que o caso exige análise aprofundada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.