Lindbergh critica oposição durante audiência na CAE

O senador Lindbergh Farias (PT-RJ) aproveitou seu momento de fala durante a audiência na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado que ouve o ministro da Fazenda, Guido Mantega, para fazer duras críticas à oposição. "Quero fazer um reparo sobre a atuação da oposição. Ela tem que sair da pequenez da arenga (briga, discussão, confusão) e discutir sobre a situação do Brasil, do mundo, da pressão do mundo", enfatizou.

CÉLIA FROUFE, ADRIANA FERNANDES E EDUARDO CUCOLO, Agência Estado

13 de março de 2012 | 16h16

Segundo Farias, os opositores não têm o que falar porque o governo fez vários avanços, como a redução da taxa de juros, como queriam ver. "Me espanta que os principais representantes da oposição não estejam aqui para fazer o debate. Agora pararam e calaram porque os números estão aí. Sinceramente chamo a oposição ao grande debate", comentou.

Em seguida, o parlamentar fez questionamentos ao ministro Mantega sobre as armas brasileiras para conter o tsunami monetário, que a presidente Dilma Rousseff e o ministro citaram. "Temos instrumentos para nos proteger de algo tão grande quanto isso?"

Ele também disse estar ansioso pela chegada da segunda fase do programa de política industrial, o Brasil Maior 2. "Será que estamos enxugando gelo? Vamos aguentar a pressão sobre a indústria?". Outros parlamentares fazem as últimas perguntas da audiência e, em seguida, Mantega deve respondê-las.

Tudo o que sabemos sobre:
Lindberghoposição

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.