Lindbergh assume comissão e reafirma candidatura no Rio

Depois de ser escalado pelo PT para protagonizar os programas partidários nas TVs e rádios fluminenses, o senador Lindbergh Farias (PT-RJ) ganhou mais um endosso de seu partido. Ele foi o escolhido na terça-feira (26) pelos petistas - e chancelado, também na terça (26), por votação - para presidir a Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), uma das mais importantes do Senado.

AE, Agência Estado

27 de fevereiro de 2013 | 09h17

O cargo servirá como poderosa vitrine para impulsionar sua candidatura ao governo do Rio, acirrando os ânimos do aliado PMDB, que no Estado exige o apoio dos petistas ao vice-governador Luiz Fernando Pezão. "Não vejo uma relação direta (entre a candidatura e a presidência da CAE) mas é claro que se eu fizer um bom trabalho isso sempre vai ajudar", avaliou Lindbergh.

O petista disse que quer à frente da comissão priorizar as questões federativas, como a unificação do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), a renegociação das dívidas dos Estados e municípios e a adoção de novos critérios para a repartição dos recursos do Fundo de Participação dos Estados (FPE). As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Tudo o que sabemos sobre:
Eleições 2014RioLindbergh

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.