Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Líderes querem votar Comissão da Verdade até julho

Líderes de partidos aliados vão trabalhar para votar, neste semestre, o projeto de lei que cria a Comissão da Verdade, encarregada de aprofundar as investigações dos crimes cometidos durante o regime militar. A proposta é apontada como uma das prioridades dos governistas, principalmente dos parlamentares do PT.

AE, Agência Estado

27 de fevereiro de 2011 | 19h42

"O ideal é votarmos a proposta como ela veio do Executivo", afirmou hoje o líder do PT na Câmara, Paulo Teixeira (SP). O projeto foi encaminhado ao Congresso Nacional pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Na época, houve uma reação dos militares que temeram tratar-se de uma proposta revanchista. "O projeto já foi costurado com os Direitos Humanos, com a Defesa e a Justiça", observou Teixeira.

Em janeiro, quando tomou posse na secretaria de Direitos Humanos, a ministra Maria do Rosário comprometeu-se a acelerar a tramitação do projeto na Câmara e no Senado que trata da criação da Comissão da Verdade para apurar as circunstâncias das mortes e dos desaparecidos durante a ditadura.

Enviado em maio do ano passado para o Congresso, o projeto diz que a comissão tem por objetivo "promover a reconciliação nacional" e terá a função de "promover o esclarecimento circunstanciado dos casos de torturas, mortes, desaparecimentos forçados, ocultação de cadáveres e sua autoria, ainda que ocorridos no exterior".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.