Líder tucano pedirá convocação de Bastos para depor

O líder do PSDB no Senado, Arthur Virgílio (AM), disse que apresentará à Mesa da Casa um requerimento de convocação do ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos, para que responda às suspeitas de que, antes da queda de Antonio Palocci do Ministério da Fazenda, teria tomado conhecimento da violação do sigilo bancário do caseiro Francenildo Santos Costa. O líder tucano propõe que Bastos seja ouvido no plenário do Senado. O senador Antonio Carlos Magalhães (PFL-BA) disse que apóia a convocação de Bastos e que considera o plenário da Casa um local mais apropriado para o depoimento de Bastos do que a CPI dos Bingos. Magalhães antecipou que, se o requerimento de convocação do ministro da Justiça for apresentado também na CPI dos Bingos, votará pela rejeição da proposta.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.