FABIO MOTTA/ESTADÃO
FABIO MOTTA/ESTADÃO

Líder do PT na Câmara defende que bancada apoie candidatura de Freixo

Deputado Paulo Pimenta disse que sigla irá definir posição para eleição; partido tem a maior bancada, com 56 eleitos

Camila Turtelli, O Estado de S.Paulo

31 de janeiro de 2019 | 19h13

BRASÍLIA - O líder do PT na Câmara, deputado Paulo Pimenta (PT-RS), disse que irá defender, em reunião de bancada, que os parlamentares da legenda apoiem a candidatura de Marcelo Freixo (PSOL-RJ) para a Presidência da Casa. O PT é atualmente a maior bancada com 56 eleitos. “Vamos reunir nossa bancada e depois vamos definir uma posição para a Presidência”, afirmou Pimenta. 

O PSB decidiu hoje integrar o bloco da oposição para tentar garantir participação na Mesa Diretora da Câmara. O partido passa a fazer parte do acordo com PT, Rede e PSOL, somando 98 deputados. 

Ainda há a expectativa de que PCdoB e PDT possam integrar essa aliança, apesar de ambos os partidos terem declarado apoio à reeleição de Rodrigo Maia (DEM-RJ) para a presidência. Porém, a chance de isso acontecer é considerada pequena. “PCdoB é um partido que sempre esteve conosco”, disse Pimenta. “Nós estamos ainda buscar um diálogo importante com o PDT, gostaríamos muito que ele estivesse conosco dentro desse bloco”, completou. Freixo também fez aceno para o partido de Orlando Silva (PCdoB-SP). “Esperamos que o PCdoB venha fazer parte desse bloco, ele é bem-vindo”, disse, o candidato. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.