Líder do PSDB rebate críticas de Dirceu

O líder do PSDB no Senado, senador Arthur Virgílio (AM), contestou a afirmação do ministro-chefe da Casa Civil, José Dirceu, de que a responsabilidade pela questão fundiária no Pontal do Paranapanema (SP) "não pode ser transferida do governo do Estado para o governo federal". Em telefonema à Agência Estado, Virgílio classificou a entrevista do ministro de ?deplorável?. "Retrata o governo com cara de João Goulart e reduz o Brasil ao Estado de República das bananas. Tem o cheiro da instabilidade. E o ministro, que supostamente é o homem-forte, mostrou fraqueza suficiente para continuar transferindo a responsabilidade do governo para outras pessoas."O senador tucano afirmou que pesquisas atribuem 60% de ótimo e bom ao atual governo de São Paulo, enquanto no Rio de Janeiro o governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva conta com 20% de aprovação. Isso, segundo Virgílio, leva à conclusão de que São Paulo sabe dar "tratamento correto" à questão do Pontal de Paranapanema. O líder do PSDB afirmou ainda: "Percebo que os problemas vão se agravar na medida em que o governo se omite ou então age errado. Alguém precisa dizer ao ministro que, se ele não tiver a coragem de assumir e começar a governar, não será mais na geração dele que o PT terá outra chance."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.