Líder do PPS cobra mudanças na economia

O presidente do PPS e líder do partido na Câmara, deputado Roberto Freire (PE), pediu hoje uma mudança nos rumos da economia do País, ao avaliar a queda do PIB em 0,1% no primeiro trimestre do ano em comparação com igual período do ano passado. "Não adianta discutir com os números", disse Freire. "Eles dizem que a economia do Brasil não vai bem, que a geração de empregos não vai bem e que uma mudança de rumo em direção à retomada do crescimento deve ser urgentemente implementada pelo governo Lula", afirmou Freire, por meio de sua assessoria em Brasília. Freire, que está participando, no Rio Grande do Sul, de um debate sobre alimentos transgênicos, avaliou que a queda do PIB só não foi maior em virtude de a agricultura ter apresentado um índice positivo de 3,7% ante uma queda de 2,2% no sgmento industrial. Freire argumentou que, nos últimos anos, a política eoconômica, ao afirmar a prevalência dos juros altos, assumiu compromisso direto com a recessão e que a eleição do presidente Luiz Inácio Lula da Silva significa que a sociedade queria um outro modelo. "Insistir na ortodoxia e ficar condenando administrações anteriores para justificar a crise não tem sentido", sustentou. "Cabe ao governo superar os obstáculos existentes, dar uma nova orientação à economia, mostrar ao País a que veio", afirmou. O PPS faz parte da base aliada do governo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.