Líder do PDT reúne-se com Mantega para discutir CPMF

O líder do PDT no Senado, Jefferson Peres (AM), afirmou hoje que deve se encontrar entre hoje e amanhã com o ministro da Fazenda, Guido Mantega, para negociar o posicionamento do partido em relação à Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF). O encontro ocorrerá hoje se a votação do processo de cassação do senador Renan Calheiros (PMDB-AL) terminar rapidamente. A votação está marcada para ter início às 15h. Peres explicou que pedirá a Mantega o compromisso de o governo definir algum mecanismo de controle dos gastos correntes, algo semelhante, segundo ele, à proposta aprovada na CAE do Senado, hoje, que limitou a expansão da despesa com pessoal em inflação mais 2,5% ao ano, desde que não supere o crescimento do PIB. "Mas não vou falar de porcentuais, porque isso é algo que tem que ser estudado pela área técnica do Ministério da Fazenda", disse. O senador disse que a aprovação na CAE dos dois projetos que estabelecem controles na despesa com pessoal e no endividamento da União ajuda a convencer o PDB a votar com o governo na prorrogação da CPMF. "Temos mais de meio caminho andado", afirmou. Mas ele destacou que, se Mantega se manifestar contrariamente à limitação de gastos correntes, dificilmente terá o apoio do partido, pelo menos o de Peres e do senador Osmar Dias (PR).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.