Líder da 'máfia do asfalto' volta para a cadeia

O empresário Olívio Scamatti, apontado como líder da "máfia do asfalto", esquema de fraudes em 78 municípios do interior de São Paulo, foi preso na manhã desta quinta-feira pela Polícia Federal. A ordem de prisão contra Scamatti e outros 12 suspeitos de integrarem a quadrilha foi decretada pela Justiça Federal a pedido da Procuradoria da República. Ele já havia sido preso no último dia 9, por decisão da Justiça Estadual, mas no início desta semana o Tribunal de Justiça revogou aquela ordem de prisão.

FAUSTO MACEDO, Agência Estado

18 Abril 2013 | 20h52

O Ministério Público Federal também investiga o caso porque identificou desvios de verbas federais, direcionadas para prefeituras da região noroeste do Estado. No dia 9, promotores de Justiça de São Paulo e procuradores da República haviam deflagrado a Operação Fratelli, para desmontar um esquema de fraudes em licitações de contratos para pavimentação pública. Nesta terça, 16, o procurador da República Thiago Lacerda Nobre requereu a prisão preventiva do grupo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.