Licenças atrasam pauta do STF

O STF vai enfrentar dificuldades para realizar julgamentos este mês. Dois dos 11 ministros pediram licença médica: Joaquim Barbosa, que tem problemas na coluna, e Menezes Direito, que faz tratamento quimioterápico após cirurgia no pâncreas.O tribunal voltou a se reunir na semana passada e a expectativa era de que vários processos de repercussão fossem julgados em agosto. Entre eles a polêmica extradição do italiano Cesare Battisti e o inquérito contra o deputado e ex-ministro Antonio Palocci. A licença de Direito é de 31 dias e começou no dia 6. A de Barbosa é de 20 dias a partir do dia 10.

Mariângela Gallucci, O Estadao de S.Paulo

11 de agosto de 2009 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.