Licença única de mídia terá debate, diz Bernardo

O ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, confirmou ontem que há estudos do governo para a criação de licença única para as diversas mídias, como revelou o jornal O Estado de S. Paulo. Bernardo considerou que a informação do jornal, pela síntese da manchete, sugeriu a muitos que o assunto está decidido pelo governo, o que criou um impacto desproporcional ao estágio do debate.

AE, Agência Estado

28 de janeiro de 2011 | 08h09

"Tudo isso ainda será objeto de consulta pública e terá de passar pelo crivo do Congresso Nacional", disse. E acrescentou: "Conforme ficou claro na matéria, a regulamentação vai ser debatida em ritmo seguro."

O tema desde cedo ocupou o ministro, surpreendido por cobranças que interpretaram a notícia como um recuo do governo em relação ao marco regulatório do setor. "Basta ler a matéria que você verá que nada está decidido", respondeu a um jornalista que procurava confirmação pelo Twitter. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.