Lewandowski toma posse como presidente do TSE

Novo presidente vai substituir o ministro Ayres Brito, que ocupa o cargo desde maio de 2008

estadão.com.br

22 de abril de 2010 | 10h24

O novo presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Ricardo Lewandowski, toma posse nesta quinta-feira, 22, às 19h, em cerimônia com a presença do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Ele vai substituir o ministro Ayres Brito, que ocupa o cargo desde maio de 2008.

 

Lewandowski entrou no Supremo Tribunal Federal (STF) em março de 2006, como ministro substituto, mas tornou-se membro efetivo com a renúncia de Eros Grau em maio de 2009. Antes do STF, ele foi juiz do Tribunal de Alçada Criminal de São Paulo e desembargador do Tribunal de Justiça do estado (TJ/SP).

 

Também toma posse, como vice-presidente do TSE, a ministra Cármen Lúcia. Ela chegou ao STF em junho de 2006 e se tornou ministra substituta do TSE em abril de 2008. Cármen iniciou carreira jurídica como procuradora de Minas Gerais, tendo sido procuradora-geral do estado no governo Itamar Franco.

 

O presidente do STF, Gilmar Mendes, e o ministro da Justiça, Luiz Paulo Barreto, participam da solenidade, que também contará com a presença dos presidentes da Câmara, Michel Temer (PMDB-SP), e do Senado, José Sarney (PMDB-AP).

 

Com informações da Agência Brasil

Tudo o que sabemos sobre:
TSERicardo LewandowskiAyres Brito

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.