André Dusek/Estadão
André Dusek/Estadão

Levy deve avalizar empréstimo do Bird ao governo do Ceará

Valor aprovado pelo ministro da Fazenda será usado para a construção de estradas e de um aquário marinho; em reunião nessa quinta com Dilma e governadores, ele comunicou que iria liberar autorizações de financiamentos a Estados

Francisco Carlos de Assis e Igor Gadelha, O Estado de S. Paulo

31 de julho de 2015 | 10h39

FORTALEZA - O ministro da Fazenda, Joaquim Levy, cumprirá agenda intensa no Ceará nesta sexta-feira, 31. Entre os compromissos na capital cearense, Levy tratará com as autoridades locais sobre o aval da Fazenda a um empréstimo de R$ 200 milhões do Banco Mundial (Bird) ao governo do Ceará, segundo o deputado federal pelo Estado, José Guimarães (PT-CE), líder do governo na Câmara.

O dinheiro, de acordo com o deputado, será usado para financiar as construções de estradas e de um aquário marinho para turistas na Praia de Iracema, Fortaleza. Durante o dia, Levy visitará o Porto Mário Covas e complexo Siderúrgico, ambos em Pecém, município que fica a 60 quilômetros da capital cearense.

O ministro participará também do encerramento do XXI Fórum do Banco do Nordeste de Desenvolvimento (BNB), evento que marca as comemorações dos 63 anos da instituição e de jantar com o governador do Estado, Camilo Santana (PT), deputados federais e senadores do Ceará.

Para o deputado José Guimarães, irmão do ex-deputado José Genoíno, a visita do ministro da Fazenda ao Ceará tem uma importância dupla. "Primeiro porque vai se discutir com o governador e conosco, os deputados federais, ações importantes como a liberação de recursos pelo Banco Mundial para projetos estruturantes como estradas e o aquário para turistas", disse o deputado.

São obras que, segundo Guimarães, são decisivas para a "manutenção do crescimento da economia brasileira". "A presença do ministro, visitando principalmente a Companhia Siderúrgica do Pecém e o Porto lhe dará a visão macro do que representa o Ceará, um Estado que tem suas finanças equilibradas e que tem todas as condições de receber empréstimo", disse Guimarães.

Ao longo do dia o ministro não terá a companhia do governador Camilo Santana, que estará com o ministro da Saúde, Arthur Chiorio, em visita ao Hospital Regional de Sobral.

Tudo o que sabemos sobre:
CearáJoaquim Levygovernadores

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.