Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Lessa quer que Estados decidam sobre subteto

O governador Ronaldo Lessa (PSB), disse hoje que fará gestões junto ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva e aos parlamentares federais para que a questão do subteto da reforma da Previdência seja discutida pelos Estados. Lessa defende um subteto salarial suportável para todos os Estados. Para isso, quer que o Congresso libere esta questão para que cada Estado estabeleça os valores de acordo com a sua política salarial e sua situação econômica. "Cinqüenta e quatro por cento dos pobres do Brasil estão no Nordeste, logo não podemos ter uma política de subteto igual a de São Paulo", comparou o governador, ao reagir contra a proposta dos magistrados que querem um subteto entre 85% e 90,25% do salário do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), que é de R$ 17.170,00. Para Lessa, os magistrados deveriam pensar na maioria do povo brasileiro que ganha salário mínimo. "Eles estão brigando pelos salários altos, por que esse pessoal não briga também pelos que ganham salário mínimo?", questionou o governador, ao defender que o Brasil não agüenta mais privilégios. "É preciso que a gente tenha consciência da situação econômica do País, dos brasileiros e das responsabilidades com o futuro". Ele disse que se o Congresso não permitir que cada Estado estabeleça o seu subteto, que acate a texto original da reforma da Previdência, proposta pelo governo.

Agencia Estado,

31 de julho de 2003 | 19h33

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.