Leia depoimentos sobre o senador Jefferson Péres

Líder da bancada do PDT no Senado morre aos 76 anos e é lembrado como defensor da ética

Da redação,

23 de maio de 2008 | 10h36

O líder da bancada do PDT no Senado, senador Jefferson Péres (AM), morreu na manhã desta sexta-feira, 23, de enfarte fulminante, em sua residência em Manaus, às 6h30. Professor, advogado, com longa carreira de vereador em Manaus, onde nasceu, Jefferson Péres ocupava vaga no Senado desde 1995 e exercia seu segundo mandato de senador.   Veja também:  Senador Jefferson Péres morre aos 76 anos   O presidente do Senado, senador Garibaldi Alves (PMDB-RN), abriu nesta sexta-feira a sessão, com sete senadores em plenário, lamentando a morte de Jefferson Peres, a quem se referiu como "um senador franzino e pequenino que se agigantava" na defesa da democracia.     Leia abaixo as declarações de políticos e amigos sobre o senador:     "Perdemos um grande senador, um grande homem público, um homem dedicado à defesa da democracia e que era um dos sustentáculos da coluna vertebral do Senado. Era um grande peregrino em defesa da ética" Presidente do Senado, senador Garibaldi Alves (PMDB-RN)     "A democracia amanhece empobrecida. Jefferson Péres foi um homem que pautou as sua vida pelos princípios da ética e da moralidade" Ministro das Relações Institucionais, José Múcio     "Travou batalhas inesquecíveis, colocando sempre em primeiro plano seu amor e sua ferrenha defesa aos princípios básicos da ética política." Ministro do Trabalho e ex-presidente nacional do PDT, Carlos Lupi     "Era um homem importante, um grande amigo. Desempenhava um papel dentro do Senado que tinha uma funcionalidade muito forte. É uma grande perda para a política brasileira". Ministro da Defesa, Nelson Jobim     "Sempre constatei no senador não só a lucidez, mas o sentimento patriótico. Em alguns momentos tivemos divergências sobre política externa, mas mesmo que eu discordasse de alguns pontos de vista dele, obviamente que ele queria o melhor para o Brasil" Ministro Marco Aurélio Garcia     "Ao longo de sua vida, Jefferson Péres não apenas defendeu os legítimos interesses da população do Amazonas, mas exerceu a política com ética e honra, tornando-se, assim, uma referência para o Senado, o Congresso e o Brasil." Ex-governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB)     "Fui vereador com ele nos dois mandatos públicos que ele teve em Manaus e também fomos eleitos senadores juntos. O Amazonas perde muito, pelo homem público que é o senador Jefferson Péres, referência em nível nacional. Senador franco, duro, exigente, mas profundamente ético." Senador João Pedro (PT)     "Jefferson Péres estava cansado da batalha. Participava de um pequeno grupo que se formava quando era preciso defender a instituição [Congresso] para evitar que caísse em descrédito. Fazia isso não por perseguição, mas como uma forma de preservar a importância da instituição." Deputado Fernando Gabeira (PV-RJ)     "Foi-se um guerreiro de luta e coerência. Para nós, é uma perda muito grande, muito difícil." Senadora Serys Slhessarenko (PT-MT)     "Era um grande homem, que ultimamente dizia estar muito decepcionado com a política e anunciava que não iria mais se candidatar" Senador Mão Santa (PMDB-PI)     "Essa morte, de chofre, nos deixa a todos consternados. Jefferson Péres sempre foi um companheiro altivo, independente, que sempre mereceu o nosso respeito, até quando discordávamos dele. Era um homem íntegro, probo, e um baixinho que provou que tamanho não é documento." Senador Geraldo Mesquita (PMDB-AC)     "Jefferson Péres era um conselheiro. Pessoalmente, eu perco um amigo e alguém que sempre me incentivou na luta política. Ele foi dos nosso melhores senadores e melhores integrantes do Congresso. Era um homem firme, sereno, de convicções democráticas profundas, muito bem preparado". Governador de São Paulo, José Serra (PSDB)     (com Ana Luísa Westphalen e Ana Paula Scinocca, da Agência Estado e Agência Brasil)

Tudo o que sabemos sobre:
Jefferson Péres

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.