Kassab poderá nomear 270 para cargos de confiança

A gestão Gilberto Kassab (DEM) vai ter à disposição 270 cargos comissionados para compor com novos aliados nas cinco secretarias recém-criadas e em 30 parques municipais. Por meio de dois projetos aprovados em segunda discussão na última sessão do ano, na madrugada de ontem, o Executivo está autorizado a nomear 197 cargos na Secretaria do Verde e do Meio Ambiente, 53 na Secretaria de Desenvolvimento Urbano, 17 na Secretaria de Segurança Urbana e 3 cargos de "secretário especial do gabinete do prefeito" para os futuros titulares das pastas de Direitos Humanos, de Controle Urbano e Especial da Mulher.O impacto da minirreforma administrativa será de no máximo R$ 5 milhões anuais, segundo o governo, que defende a nova estrutura para a viabilização de dois dos principais projetos do prefeito: a revisão do Plano Diretor e a criação de cem parques até 2012. "Essa minirreforma contempla o desejo da sociedade por uma cidade melhor, com mais verde e desenvolvimento, por meio de diretrizes escolhidas pela própria população", defendeu o líder de governo, José Police Neto (PSDB).Na prática, as cinco novas secretarias e os cargos em parques também abrem espaço para Kassab compor com novos aliados como PV, PR e PPS e para agregar políticos do próprio DEM e do PSDB sem espaço no governo. A administração afirmou ontem que pretende também fazer remanejamentos para preencher as vagas criadas, como da pasta de Planejamento.Até o início do mês, o prefeito dizia que as novas secretarias usariam estruturas já existentes, com o objetivo de conceder "status" de secretário para cargos já ocupados. A pasta de Controle Urbano, por exemplo, vai absorver a estrutura do Departamento de Controle do Uso de Imóveis (Contru). Mas para a de Desenvolvimento Urbano Kassab poderá nomear 18 assessores de salário inicial de R$ 4.053,08. A bancada do PT acusa o governo de inflar a máquina e aponta impacto de R$ 10,1 milhões nos cofres públicos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.