Kassab diz que tendência do PSD é apoiar Dilma

O presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab disse nesta quinta-feira, em Fortaleza, que a tendência do partido é apoiar a tentativa de reeleição da presidente Dilma Rousseff em 2014. "Nove diretórios estaduais do PSD já foram consultados e a grande maioria aponta para apoiarmos a reeleição da presidenta Dilma. Nas duas próximas semanas mais três diretórios estaduais vão se manifestar para gente oficializar uma posição. Mas até o presente momento a grande maioria do partido tem formalizado quer vai apoiar a reeleição da presidenta Dilma", informou Kassab.

LAURIBERTO BRAGA, Agência Estado

25 Abril 2013 | 17h05

Sobre a possibilidade de José Serra ingressar no PSD, Kassab destacou que "não existe essa conversa, esse entendimento. Todos sabem da excelente relação que tenho com o ex-prefeito José Serra. Mas hoje as coisas estão distintas. O PSD foi muito bem implantado em nível nacional. E esse partido terá uma posição e muito possivelmente essa posição será o caminho de apoiar a reeleição da presidenta Dilma".

Kassab esteve em Fortaleza para empossar o secretário cearense de Planejamento, Eduardo Diogo, na presidência do PSD Fortaleza. E durante almoço no Palácio da Abolição, sede do Governo do Estado, abriu as portas do PSD para a filiação do governador Cid Gomes, que está insatisfeito no PSB.

Mais conteúdo sobre:
eleições 2014 Kassab Dilma

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.