Justiça retira 294 propagandas eleitorais em SP

A Justiça Eleitoral retirou hoje 294 propagandas que não estavam de acordo com a legislação eleitoral nas principais ruas e avenidas da capital paulista. Os cavaletes e bonecos apreendidos estavam colocados em canteiros centrais, áreas verdes, postes e até em placas de trânsito. Muitas propagandas apreendidas atrapalhavam o trânsito e a circulação de pedestres.

PRISCILA TRINDADE, Agência Estado

10 de setembro de 2010 | 20h49

De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral (TRE), não é permitida a colocação de propaganda eleitoral de qualquer natureza nas árvores e nos jardins localizados em áreas públicas. A propaganda móvel não pode dificultar o trânsito nem a circulação de pessoas.

As propagandas irregulares em vias públicas podem ser denunciadas por qualquer cidadão por meio do serviço de denúncia online disponível no site do TRE de São Paulo (www.tre-sp.jus.br).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.