Justiça extingue ação de Maluf contra Marta

A prefeita de São Paulo, Marta Suplicy, conseguiu hoje se livrar de um processo criminal instaurado contra ela a pedido do candidato ao governo paulista pelo PPB, Paulo Maluf. Os ministros da 2ª Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) concederam por unanimidade habeas-corpus à prefeita, extingüindo a ação penal que existia contra ela por declarações dadas durante a campanha pela prefeitura de São Paulo.Os integrantes da 2ª Turma acompanharam o voto do relator, segundo o qual Marta Suplicy não tinha a intenção de ofender Maluf e que teria ocorrido apenas um ?efeito emocional inerente ao embate político?.O relator disse que as expressões usadas por Marta ?resultaram de meros comentários a declarações da ex-primeira-dama Nicéia Pitta de que poderia, eventualmente, beneficiar-se politicamente se fosse efetivamente descoberta a mencionada conta no exterior tendo como titulares Paulo Maluf e Celso Pitta?.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.