Dida Sampaio/Estadão
Dida Sampaio/Estadão

Justiça autoriza Dirceu a visitar mãe em Minas Gerais

Ex-ministro cumpre pena em regime domiciliar em Brasília desde novembro do ano passado e poderá viajar para Passa Quatro

Beatriz Bulla, O Estado de S. Paulo

01 de maio de 2015 | 08h18

Brasília - O juiz Ângelo Pinheiro de Oliveira, da Vara de Execuções das Penas e Medidas Alternativas (Vepema) do Distrito Federal, autorizou o ex-ministro José Dirceu, condenado no processo do mensalão, a viajar para Passa Quatro, em Minas Gerais, para visitar a mãe. O ex-ministro cumpre pena em regime domiciliar desde novembro do ano passado.

Dirceu vai poder passar o Dia das Mães em Minas Gerais, no dia 9, e o aniversário da sua mãe. O juiz determinou que ele se apresente à Justiça do Distrito Federal no dia 19 de maio, para comprovar o retorno a Brasília. O ex-ministro deverá também se apresentar à autoridade policial responsável pela região onde ficar hospedado em Minas, no momento de chegada e saída do local.

"Ademais, durante o período da viagem, deverá o sentenciado respeitar todas as condições fixadas no termo de audiência da prisão domiciliar, em especial a que prevê o recolhimento noturno", determinou o magistrado. Entre as outras condições para manter o regime de prisão domiciliar está a proibição de que Dirceu se encontre com outros investigados. 

Tudo o que sabemos sobre:
mensalãoJosé Dirceu

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.