Junta médica poderá ir ao Paraná examinar Janene

A Comissão de Ética da Cãmara estuda a possibilidade de enviar uma junta médica ao Paraná para verificar se o deputado José Janene (PP-PR) está impossibilitado de prestar depoimento por estar com a saúde muito afetada. Janene sofre de problemas cardíacos e está licenciado. Segundo informou a Agência Câmara, a relatora do processo contra Janene, deputada Ângela Guadagnin (PT-SP), se dispôs a ir para o Paraná ouvi-lo caso a junta diga que o deputado não tem condições de ir até Brasília.O presidente do Conselho de Ética da Câmara, deputado Ricardo Izar (PTB-SP), afirmou que se não houver nenhuma maneira de Janene ser ouvido, será preciso consultar a Mesa Diretora para decidir o que fazer sobre o caso. Na última sexta-feira, o deputado enviou sua defesa à Câmara para que sejam arroladas suas testemunhas, entre as quais figuram o presidente da Câmara, Aldo Rebelo (PCdoB-SP), o deputado cassado José Dirceu (PT-SP) e o ex-tesoureiro petista Delúbio Soares.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.