Jungmann: governo protegerá fazenda de FHC

O ministro do Desenvolvimento Agrário, Raul Jungmann, disse que o Governo Federal se encarregará de garantir e guardar a fazenda da família do presidente Fernando Henrique Cardoso, em Minas Gerais, se o MST tentar invadir a propriedade. "A Polícia Federal chegará primeiro, de helicóptero, e depois será enviado o Exército", afirmou ele. Jungmann estava confiante, porém, que os sem-terra iriam deixar a região de Uruana (MG) e encerrar o episódio iniciado segunda-feira com a invasão da Fazenda Renascença, do embaixador do Brasil na Itália, Paulo Tarso Flecha de Lima, sem recorrer a novas invasões.O governo também está preparado, segundo ele, para enfrentar eventuais transgressões do MST no dia 17, quando o movimento pretende realizar uma grande manifestação nacional. "Vamos esperar para ver", afirmou ele, ao considerar "compreensível e justificada" a manifestação pela reforma agrária e em memória das vítimas de Eldorado de Carajás. O ministro deu entrevista depois de fazer palestra no Fórum de Desenvolvimento da Floricultura do Nordeste.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.