Juiz manda MST desocupar armazéns da Conab no DF

O juiz da 2ª Vara da Justiça Federal em Brasília, Rodrigo Navarro de Oliveira, acolheu pedido da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) para que fosse reintegrado da posse de uma área de armazéns localizados em Brasília, invadida na madrugada de ontem por integrantes do Movimento dos Trabalhadores Sem-Terra (MST). A decisão, tomada ontem à noite, só foi divulgada hoje pela Conab. De acordo com a assessoria de imprensa da estatal, o juiz determinou que a área seja desocupada nas próximas 24 horas. Hoje de manhã, segundo informação da Conab, oficiais de Justiça notificaram os invasores da decisão judicial. Além de alimentos, está armazenado, nos depósitos da Conab, soro para ser usado em hospitais da rede pública do Distrito Federal. A assessoria da Conab advertiu que, se a decisão da Justiça não for cumprida no prazo determinado, a Polícia Militar será acionada para desocupar a área.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.