Juiz manda Infraero parar de retomar áreas da Transbrasil

O juiz Souza Prudente, do Tribunal Regional Federal (TRF) da 1ª Região, determinou nesta quarta-feira à Infraero que suspenda o processo de retomada das áreas aeroportuárias concedidas à Transbrasil.O juiz considerou que a posse das áreas depende de decisão judicial. Souza Prudente reformou decisão da 17ª Vara Federal de Brasília, segundo a qual a retomada das áreas concedidas não traria mais prejuízos à Transbrasil já que ?uma vez regularizada sua situação perante o DAC e pagos os valores devidos, novas áreas poderão lhe ser atribuídas, independentemente de concorrência pública?.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.