Juiz de Caetés não comenta declaração de Lula

O juiz de Caetés, Andrian de Lucena Galindo, não comentou a declaração do presidente Lula. Galindo está no cargo desde fevereiro, quando foi criada a Comarca de Caetés. Até então, todos os processos do município eram tratados na Comarca de Capoeiras - também no agreste de Pernambuco. Caetés tem cerca de 1,1 mil processos e, desde fevereiro, foram julgados quatro crimes (uma tentativa e três homicídios).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.