Juiz acusado de desvio é exonerado

O juiz da 4ª Vara Cível de São José do Rio Preto, Júlio César Cuginotti, foi exonerado de suas funções pelo presidente do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, desembargador Márcio Martins Bonilha.Cuginotti havia sido afastado temporariamente do cargo no dia 11 de abril quando a corregedoria do Tribunal de Justiça realizava investigações para apurar denúncias de desvio de depósitos em juízo no Cartório da 4ª Vara Cível. A corregedoria determinou ao juiz que apresentasse sua defesa, no processo administrativo sobre os supostos desvios de depósitos em juizo - o prazo terminaria dia 18 -, mas Cuginotti decidiu pedir exoneração do cargo.O pedido foi acatado, e o ato, assinado pelo desembargador Bonilha, seria publicado na edição de amanhã, segunda feira, do Diário Oficial do Estado.O diretor do Cartório da 4ª Vara Cível, Carlos Antonio Fernandes, foi afastado dia 30 de março pela corregedoria do TJ e já foi convocado para prestar declarações, mas não compareceu.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.