Jucá quer que CPI rejeite convocação de Lina Vieira

O relator da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Petrobras, senador Romero Jucá (PMDB-RR), propôs hoje a rejeição do pedido de convocação para que a ex-secretária da Receita Federal Lina Maria Vieira deponha aos parlamentares. A proposta do relator se baseia no fato de que Lina não é mais secretária da Receita. Por isso, afirmou Jucá, se a CPI for chamar alguém do Fisco para depor, seria o caso então de convidar o atual secretário interino do órgão, Otacílio Cartaxo.

CAROL PIRES, Agencia Estado

06 de agosto de 2009 | 11h28

O pedido para que Lina Maria Vieira preste depoimento à comissão é de autoria dos senadores Antonio Carlos Magalhães Júnior (DEM-BA) e Alvaro Dias (PSDB-PR). Eles querem que a ex-secretária explique a mudança contábil que permitiu à Petrobras reduzir o recolhimento de impostos e contribuições. Lina Maria Vieira foi demitida pelo ministro da Fazenda, Guido Mantega, no mês passado e, desde então, o cargo vem sendo ocupado interinamente por Cartaxo.

Depois de fazer a proposta, Jucá apresentou um plano de trabalho a ser seguido pelos senadores da CPI. No entanto, a proposta ainda precisa ser aprovada pela maioria dos senadores. Das quinze vagas da CPI da Petrobras, apenas três são da oposição.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.