Jovens protestam contra espionagem em Brasília

Em protesto contra as ações de espionagem da Agência Nacional de Segurança dos Estados Unidos (NSA, na sigla em inglês) no Brasil e também contrário à ação militar dos Estados Unidos na Síria, um grupo de jovens fez uma manifestação, nesta sexta-feira, 6, em frente à embaixada norte-americana em Brasília. Cartazes com dizeres como "Fora porcos imperialistas" e "Viva o povo sírio" identificavam que o protesto estava sendo liderado pela União da Juventude Socialista (UJS).

DIDA SAMPAIO, Agência Estado

06 de setembro de 2013 | 16h34

O grupo se reuniu na praça Portugal, bastante próxima da embaixada, e se mobilizou de forma rápida. Carros da Polícia Militar chegaram ao local logo depois de iniciado o protesto. Os manifestantes jogaram bexigas cheias de tinta contra os muros da embaixada, onde também fizeram pichações com frases de ordem. Também queimaram um boneco representando o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama. A PM está no local.

Mais conteúdo sobre:
espionagemEUAprotesto

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.