José Maranhão obtém vitória no TSE

O TSE negou recurso que pedia a cassação do atual governador da Paraíba, José Maranhão. Ele era acusado de, na campanha de 2006, ter sido favorecido por um jornal que divulgou opinião contrária ao adversário Cássio Cunha Lima, o que significaria uso indevido de meio de comunicação. A defesa alegou que o jornal é semanal, veiculado só em Campina Grande e que é permitido jornais assumirem posição sobre candidatos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.