Ed Ferreira/AE
Ed Ferreira/AE

José Arruda reconhece legitimidade de manifestações no DF

Na última quarta-feira, 9, manifestantes e policiais entraram em confronto durante um protesto contra ele

estadao.com.br,

11 de dezembro de 2009 | 18h29

Após os confrontos desta semana entre manifestantes e policiais, o governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda, enviou ofício nesta sexta-feira, 11, ao secretário de Segurança Pública, Valmir Lemos de Oliveira, no qual reconhece a "legitimidade das manifestações populares democráticas".

 

Veja Também

linkAcuado por denúncias, Arruda anuncia desfiliação do DEM

linkCâmara Legislativa do DF cria CPI para apurar mensalão do DEM

lista Veja tudo o que foi publicado sobre o mensalão do DEM

 

Arruda declarou ainda que "é fundamental preservar a integridade das pessoas, os direitos dos cidadãos e o livre direito de manifestação, na defesa da segurança da cidade e dos cidadãos e na preservação das instituições".

 

Na última quarta-feira, 9, manifestantes e policiais entraram em confronto durante um protesto contra o próprio governador. Arruda é acusado pela Polícia Federal de comandar um esquema de distribuição de propinas para deputados, empresários e assessores de seu governo. Após o tumulto, alguns manifestantes saíram feridos.

 

O ofício foi divulgado pela assessoria de imprensa do governo do Distrito Federal.

 

Com informações da Agência Brasil

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.