Jornalista suspeita de Sars deve ter alta na quinta-feira

A jornalista inglesa Sally Blower, de 42 anos, que foi internada no Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo, com suspeita de Síndrome Respiratória Aguda Severa (Sars) ou pneumonia asiática, deve ter alta na próxima quinta-feira, segundo o boletim nº 6 divulgado nesta terça-feira à noite pelo hospital.Assinado pelo superintendente José Henrique Germann Ferreira e pelo médico RudolfUri Hutzler e sem citar o nome da jornalista, o boletim informa que a paciente está semfebre e clinicamente estável."Devido ao seu excelente estado geral, conformeorientação do Centro de Epidemiologia, a paciente deverá ter alta hospitalar na próxima 5ª feira", informa o documento. O boletim não diz se Blower contraiu ou não a pneumonia asiática, mas esclarece que os resultados das análises virológicas serão divulgados pelo Centro de Vigilância Epidemiológica da Secretaria Estadual da Saúde assim que estiverem prontos.Veja o índice de notícias sobre a pneumonia atípica

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.