Jorge Murad depõe na PF sobre Usimar

O secretário de Ciência e Tecnologia do Maranhão, Jorge Murad, depôs hoje na superintendência da Polícia Federal do Estado no inquérito criminal que apura o desvio de verbas da extinta Sudam para o projeto Usimar. O depoimento durou duas horas. Jorge Murad saiu do prédio da PF sem falar com a imprensa. O delegado responsável pelo inquérito, Joselino Valadares, não quis fazer declarações sobre o teor do depoimento, mas afirmou que o marido de Roseana Sarney respondeu a todas as perguntas. Jorge Murad estava acompanhado de seu advogado, Antonio Carlos de Almeida Castro e do gerente de segurança do Maranhão, Raimundo Cutrim. O depoimento de Murad faz parte de um inquérito criminal paralelo a um processo civil movido pelo Ministério Público Federal do Maranhão. O inquérito, no qual cerca de 50 pessoas já depuseram, deve ser concluido em cerca de 30 dias. O delegado prevê que 20 pessoas sejam indiciadas e que um processo criminal seja movido contra elas. Segundo o delegado Valadares, Jorge Murad ?pode ser indiciado ou não?. A reportagem apurou que Roseana Sarney deve estar entre os 20 indiciados. A conclusão do inquérito depende de mais 15 interrogatórios. O delgado Valadares disse que pretende ouvir também os empresários do grupo Hüdner, controladores do projeto Usimar. Como gerente de planejamento do Maranhão, cargo do qual renunciou no dia 12 de março, Jorge Murad teria participado ativamente da liberação de verbas para o projeto Usimar na Sudam. A PF também investiga a venda de um terreno do Estado do Maranhão para a Usimar, que teria sido feita a preço baixo demais. O Ministério Público Federal do Maranhão já abriu processo civil contra 40 pessoas, inclusive Roseana Sarney e Jorge Murad, por improbidade administrativa. No processo, o MPF pede o ressarcimento de R$ 44 milhões liberados para o projeto Usimar no ano passado. Após a descoberta de fraude, o envio de recursos para o projeto foi suspenso.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.