Jobim vai ao Congresso atrás de votos de peemedebistas

O candidato à presidência nacional do PMDB e ex-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Nelson Jobim, deve buscar votos entre os colegas de partido nesta segunda-feira, 5, no Congresso Nacional.A convenção nacional do PMDB está marcada para o próximo domingo, 11. Na ocasião, Jobim disputará a presidência do partido com o deputado Michel Temer (SP), que tenta a reeleição.Durante a visita desta segunda-feira, o ex-presidente do STF levará ao Congresso um manifesto, por meio do qual apresentará sua candidatura, apoiada por governadores, senadores e pouco mais de 30 deputados. "O manifesto é para mostrar que minha candidatura é ampla", disse Jobim.Apesar de contar com o apoio do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), e com a simpatia do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Jobim enfrenta resistências por parte de setores da bancada que vêem Temer como um candidato mais representativo.Os dois candidatos à presidência do PMDB devem se encontrar na noite desta segunda-feira para combinar as regras da disputa. As chapas do futuro diretório peemedebista já foram publicadas no Diário Oficial da União, mas estão sendo contestadas internamente. Isso porque alguns nomes, como o do deputado Wladimir Costa (PA), constam tanto da chapa de Jobim, quanto da de Temer.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.