João Paulo encaminha briga de Fiúza e Babá para corregedor

O presidente da Câmara, João Paulo Cunha, disse que vai mandar as fitas e as notas taquigráficas da sessão de ontem à noite da Casa, para que o corregedor da Câmara, Luiz Piauhylino (s/partido-PE)analise o bate-boca entre os deputados Ricardo Fiúza (PP-PE) e João Batista Araújo, o Babá (s/partido-PA). Os dois parlamentares discutiram durante a votação da medida provisória que dá status de ministro ao presidente do Banco Central. Babá disse que Fiúza foi escolhido a dedo para ser o relator da MP, porque como integrou a tropa-de-choque do ex-presidente Fernando Collor de Mello estava agora defendendo outro corrupto, no caso, o atual presidente do BC, Henrique Meirelles. Babá também chamou Fiúza de corrupto, referindo-se ao escândalo do Orçamento. O presidente da Câmara quer saber se houve quebra do decoro parlamentar.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.