Beto Barata|Estadão
Beto Barata|Estadão

Janot pede inquérito para investigar Romário, Jutahy Júnior e Rodrigo Maia, segundo revista

Nome dos três parlamentares surgiram em mensagens trocadas por Marcelo Odebrecht e o empreiteiro Léo Pinheiro, da OAS

Gabriela Mello, O Estado de S.Paulo

11 de junho de 2016 | 15h25

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, teria pedido ao Supremo Tribunal Federal (STF) a abertura de novos inquéritos para investigar políticos até então ainda não citados na Operação Lava Jato, entre eles o senador Romário (PSB-RJ) e os deputados Jutahy Júnior (PSDB-BA) e Rodrigo Maia (DEM-RJ). A informação consta em reportagem publicada na edição deste fim de semana da revista Época.

A publicação informa que os três nomes surgiram em mensagens trocadas pelos celulares de Marcelo Odebrecht, preso há um ano em Curitiba, e do empreiteiro Léo Pinheiro, da OAS. Ainda conforme a Época, os três parlamentares, todos da oposição do governo Dilma, devem ser investigados pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro.A reportagem revela, ainda, que o pedido de abertura de inquérito contra Romário, Jutahy Júnior e Rodrigo Maia foram encaminhados ao ministro e relator da Lava Jato, Teori Zavascki, que por sua vez pode submeter a decisão ao presidente do STF, Ricardo Lewandowski, se julgar não haver relação direta com os desvios da Petrobras.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.